FRDEDF - Federação Regional do Desporto Escolar do Distrito Federal

Atletas e técnico escolares brasilienses embarcam para a Gymnasiade!

29/04/2018
Atletas e técnico escolares brasilienses embarcam para a Gymnasiade!

Representantes do DF se juntam a outros brasileiros para participar do maior evento escolar do planeta!


MARRAKESH - A partir do dia 02 de maio, aproximadamente quatro mil atletas de 50 países, entre 15 e 18 anos, participarão em Casa Blanca e Marrakesh, no Marrocos, do maior campeonato escolar do planeta, a Gymnasiade. Entre eles, estará o Brasil, atual campeão geral da competição, título conquistado em 2016 na cidade de Trabzon, na Turquia.

O Brasil, que este ano participará com uma delegação com mais de 300 integrantes, terá representantes em 10 modalidades, sendo elas: as ginásticas rítmica, aeróbica e artística, natação, judô, karatê, luta olímpica, atletismo, xadrez e, pela primeira vez na história dos jogos, o taekwondo. Todos os atletas brasileiros foram selecionados no mês de março de 2018, em São Paulo. A CBDE organizou a Seletiva Nacional, onde as federações escolares estaduais enviaram os seus representantes. Os vencedores desses confrontos são os atletas que estão compondo a Delegação Escolar Brasileira, bem como os técnicos que mais qualificaram atletas. Com o fundamental apoio da Secretaria de Estado de Esporte, Turismo e Lazer, a FRDEDF enviou uma delegação com 96 integrantes para a seletiva. O resultado é que tem atletas e técnico brasilienses na delegação escolar brasileira!

- Emilly Cristine Santos Costa, CEM 304 de Samambaia - Taekwondo;
- Geovânia Marques Vieira, CEF 02 do Paranoá - Luta Olímpica;
- Ágata Ajá Lopes Silva, SEB Dínatos COC - Luta Olímpica;
- Fernanda Gomes Celidônio, Colégio La Salle Asa Sul - Natação;
- Aimê Louise Silva Lourenço, Centro Educacional Sigma Asa Norte - Natação;
- Sabrina da Silva Costa, CED 104 do Recanto das Emas - Atletismo;
- Cíntia Ellen Feliciano Avelino, CED 07 da Ceilândia - Atletismo;
- Ryan de Sousa Lima, CEF 602 do Recanto das Emas - Atletismo;
- Ana Luiza Dantas do Nascimento, CED 07 de Taguatinga - Atletismo;
- Manuel Evaristo Neto, Técnico - Atletismo.

A expectativa tanto dos brasileiros como da comunidade desportiva mundial é a de que o Brasil continue a liderar o quadro de medalhas no mundial. Preparo e força de vontade, não faltarão! Em Trabzon, o Brasil conquistou 128 medalhas, sendo 57 de ouro, 32 de prata e 39 de bronze. A Turquia, segunda colocada, ficou com 119 medalhas, sendo 47 de ouro, 45 de prata e 27 de bronze. A terceira colocação foi para França, com 15 medalhas de ouro.

MARRAKESH

A cidade está em festa e preparada para a grande competição escolar. Fundada em 1062 por Abu Becre ibne Omar, um caudilho berbere, primo do rei almorávida Iúçufe ibne Taxufine, está localizada no centro-sudoeste de Marrocos, ao pé da cordilheira do Alto Atlas. Marrakesh é conhecida como a "Cidade Vermelha", por conta das suas muralhas avermelhadas, a "Pérola do Sul" ou a "Porta do Sul".

Com uma população de quase dois milhões de habitantes, tem uma área de 230 km² e está a 450m do nível do mar. É a quarta maior cidade do país, atrás de Casablanca, Fez e Tânger. Apresenta um fuso de quatro horas em relação ao horário de Brasília. É uma das quatro cidades imperiais de Marrocos, as outras são Fez, Mequinez e Rabate e a que atrai mais turistas.

Marrakesh desenvolveu-se rapidamente e tornou-se um centro cultural, religioso e comercial para o Magrebe e para a região subsaariana da África. A praça Jemaa el-Fna ainda hoje é a mais movimentada e animada do continente. Em 2001, foi inscrita na lista do Património Cultural Imaterial da Humanidade. Depois de um período de declínio, a cidade foi ultrapassada por Fez. Mas no princípio do século XVI tornou-se novamente a capital de Marrocos.

À semelhança de muitas cidades marroquinas, Marrakesh tem uma parte antiga e outra moderna, com um comércio em expansão. A cidade é atualmente um importante centro econômico e um destino turístico de fama mundial. Tem também o mercado tradicional, onde se vendem e por vezes também se fabricam os mais variados produtos, que vão desde os tapetes tradicionais berberes, até à eletrônica de consumo moderna. O artesanato ocupa uma parte significativa da população e a sua produção destina-se principalmente aos turistas.

CASABLANCA

A outra cidade marroquina a receber competições da 17ª Gymnasiade é a cidade de Casablanca, capital econômica de Marrocos e celebrizada para o mundo, por meio do filme de mesmo nome, rodado em 1942, interpretado por Humphrey Bogart e Ingrid Bergman. No Brasil, é mais conhecida como a cidade em que foram rodadas cenas da novela “O Astro”, com Francisco Cuoco no papel do mago Ferragus.

Localizada na Costa Atlântica, Casablanca tem uma população de aproximadamente cinco milhões de habitantes. É a maior cidade do Marrocos. Além de locais muito conhecidos como a Mesquita Hassan II, Casablanca tem uma grande influência francesa na sua arquitetura, sendo o seu centro com edifícios brancos e Art Déco.

Há também em Casablanca edifícios muito bonitos e imponentes de arquitetura marroquina. O complexo de cinema Megarama, localizado no bairro de Ain Diab, é o maior cinema da África com 14 salas, com a 2ª maior tela de cinema do mundo. O Casablanca Sport Plazza, localizado no bairro da Califórnia, é o segundo maior centro desportivo do mundo. Uma das atrações turísticas da cidade é o arranha-céu Casa Nearshore, com 160 m de altura.

O Morocco Mall é o maior centro comercial de África e um dos maiores do mundo. Este, além de centenas de lojas, tem ainda a 3ª maior fonte musical no mundo, parque de diversões, salas de cinema e restaurantes.

MASCOTE

Nessa 17ª edição, a mascote estará representada na figura de um símbolo típico do país-sede: o leão. Na África, esse felino soberano simboliza o poder, a sabedoria, o orgulho, a juventude, a ressurreição, a segurança, a proteção e a justiça, levando diversos personagens públicos e entidades a usarem como emblema. O presidente do Níger, Mahamadou Issoufou, por exemplo, é conhecido como o Velho Leão, exatamente por vê-lo não apenas como o símbolo da fauna selvagem do continente. Já em outros países, o leão representa uma importante fonte de renda. Seja no turismo ou na caça, é respeitado, admirado e seu potencial, explorado.

Para os marroquinos, o leão é tido como o animal nacional - Leão Barbary, espécie extinta na natureza no século XX, antes encontrada no norte da África, do Egito a Marrocos. No brasão real é colocado como suporte ao escudo, simbolizando o mítico Leão do Atlas. Isso explica o porquê de o futebol ser o esporte mais popular do país, fazendo com que a seleção nacional seja chamada de Leões do Atlas.

Curiosidade

Nos Jogos Olímpicos de 1984, Nawal el Moutawakel ganhou inesperadamente o início inaugural dos 400m de obstáculos, o primeiro grande título ganho por uma mulher árabe em uma competição internacional.

EMBARQUE

A Gymnasiade acontece de 02 a 09 de maio e o Brasil parte rumo a Marrakesh a partir deste domingo, 29/04/2018. Primeiro destino: Casa Blanca. Lá ficam os nadadores, enquanto que os demais seguem para Marrakesh.

COMO ACOMPANHAR

A CBDE está enviando uma competente equipe de jornalistas que irá registrar todos os detalhes da competição em fotos e vídeos. E o que é melhor: transmissões AO VIVO pela sua fan page oficial no facebook! https://www.facebook.com/cbdeorg/

Site oficial da competição: http://www.gymnasiade2018.ma/

Site oficial da CBDE: http://www.cbde.org.br/

Prepare a pipoca, escolha a sua modalidade favorita! Vamos acompanhar e torcer muito por nossos representantes!
VaiBrasil!!!

Outras notícias